Pular para o conteúdo principal

Como aplicar o onboarding gamificado nas organizações?

A aplicação do onboarding gamificado é necessário diversas etapas. Em cada uma delas deve ser seguida com muita cautela, pois qualquer erro pode resultar prejuízo em todo o projeto. Por esse motivo, percebemos um passo a passo com tudo o que você precisa saber para obter sucesso com esse técnica. veja a seguir!


Insira a gamificação

Por ser uma tendência atual, a gamificação não é uma definição conhecido por todos os profissionais do mercado. em virtude disso, é necessario aplicarr a ferramenta aos colaboradores da empresa, principalmente àqueles que estarão relacionado diretamente no projeto. Apresente a todos os detalhes mais relevantes de um projeto gamificado, tais como:
 poster
Fonte:Getty imagens( poster)

  • game thinking: ação de transcrever os objetivos e estratégias do projeto em estilo de jogo;
  • motivações: como o game poderá engajar o participante e aproveitar suas motivações intrínsecas;
  • peças dos jogos: níveis, rankings, pontuações, personagens e outras mecânicas que estarão presentes no projeto;
  • benefícios: vantagens do onboarding gamificado para a organização e os novos funcionários;
  • cases: historias de sucesso de outras empresas para demostrar a eficiência da técnica e elevar a aceitação.

Entenda os objetivos da organização

Qualquer projeto de gamificação é necessário muito conhecimento sobre os objetivos da organização e as dificuldades que ela quer resolver. Quando se fala de onboarding, é importante entender em todos os detalhes do treinamento de integração naquela organização específica.
Como é a cultura organizacional? O que será esperado dos novos colaboradores? Como eles ajudarão a organização a chegar suas metas? questionamento desse tipo é necessário ser feitas para que se consiga desenvolver um game eficaz, que assegura a conquista dos resultados esperados.

conheça o perfil dos participantes

No onboarding gamificado, os participantes-alvo são os novos contratados ou os atuais colaboradores, com o objetivo de fortalecer a cultura da organização. Sendo assim, estude o perfil desse público e desenvolva jogos adaptados com seus padrões comportamentais. Verifique suas formações, habilidades técnicas e capacidade de liderança é uma ótima jeito de determinar quais serão as ferramentas e níveis de dificuldade dos games utilizadas no treinamento de integração.

Configure os comportamentos esperados

Identificou os objetivos da organização? compreendeu o perfil dos candidatos? Agora é hora de elencar os comportamentos que o participante deverá ter ao utilizar seu jogo. faça o mapeamento de  cada etapa que ele terá que dar durante a atividade: storytelling, caminhos a seguir, tarefas e missões. Esses pontos não podem ser escolhidos de forma aleatória: todos devem estar de acordo com o perfil da organização e as metas desejadas para cada instante. Nesse caso, é bom fazer com que o novo colaborador compreenda a cultura da organização e adere mais rápido ao espaço de trabalho.

Aplique o sistema gamificado

Depois de todo esse estudo e planejamento, chega o momento de edificar o sistema gamificado. determine regras, modo de operação e motivadores do jogo. Escolha as ferramentas de qualidade para construí-lo. Se o game for eletrônico, conte com um grupo de confiança para desenvolvê-lo tecnologicamente, reduzir erros e assegurar seu funcionamento. Não basta apenas ter formação em desenvolvimento de sistemas. É de suma importância que esses profissionais tenham conhecimento especializado em desenvolvimento de jogos, como game design e game balance. Outro aspecto importante: o sistema não necessita subestimar a inteligência do participante, entretanto deve ser simplificado. Aqui, está a relevância do game balance, ou seja, balancear a dificuldade e os objetivos do game. Jogos com regras muita complicadas ou ferramentas complexos demais não auxiliar a organização a chegarem suas metas. O onboarding tem o objetivo de ensinar e instruir, não para confundir o novo colaborador.

acompanhe os resultados

Com o projeto já em percusso, analise as medidas do seu jogo e avalie os resultados alcançados. aplique  um sistema de metas chamando de  SMART, que pede objetivos exclusivos, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e temporais. Metas abstratas e complexas jogam contra o seu treinamento. Depois de verificar os resultados, planeje as modificações que serão necessários no game. Dessa forma, o seu onboarding gamificado se tornara cada vez melhor e mais assertivo. 

Postagens mais visitadas deste blog

Geração Z: quais as dificuldades na sua gestão .

Antes de tudo, o que venha ser a geração Z, formada principalmente por jovens que surgiram apos o final da década de 90. Sua principal característica é a massificação da tecnologia que agregou na vida das pessoas, eficiência, inovação e modernidade, sobretudo no ambiente empresarial.
Desse jeito, essa nova geração trouxe transformações bastante impactante nas empresas, com  nova forma de agir e pensar, ampliado suas visões para novas possibilidades e interesses tendo como características a serem mais flexíveis, interativos e dinâmicos.


As pessoas dessa geração Z estão a procura principalmente da estabilidade, propostas e ideias que tragam retorno imediatos, mais ao mesmo tempo que se mantem durador ao longo do tempo. Em muitas das situação essa geração buscar no primeiro momento a remuneração, só depois de fazer parte algo mais significante para vida.


Uma das principais virtudes dessa geração, é de construir na carreira profissional, algo tipo marcante e ainda ser pago por isso. Em fa…

A História Do Como Fazer Onboarding De Novos Colaboradores

Você escolheu novos colaboradores e agora é só esperar para que eles se cresçam na organização? Porem! É necessário fortalecer a relação deles no espaço de trabalho, isso é o ponto de partida para chegar ao  onboarding na integração de novos colaboradores. Incide em uma metodologia para harmonizar e habilitar estes profissionais na cultura da organizacional.
Porem, diversos líderes  de recursos humanos apresentam algumas imprecisões da forma como o onboarding deve ser realizado, logo, quando feito adequadamente, esse procedimento deixa que os colaboradores estejam mais determinados e proporcionem resultados em pouco tempo. siga este artigo e conheça dicas importantes para ter sucesso certo o procedimento deintegrar novos funcionários. Veja!

Agrupe colaboradores em um evento de onboarding de novos funcionários Para começar uma metodologia de onboarding hábil, prepare um evento. Primeiro comece com “seja bem-vindo” no inicial dos trabalhos com novos colaboradores é o mais apropriado pa…

Treinamentos on the job:melhorar na aprendizagem de equipes

Essa pratica detreinamento é cada vez mais comum no ambiente empresarial, principalmente pelo fato de ser realizado dentro do próprio ambiente de trabalho.
A sua finalidade é observar como colaborador se comporta diante das situações do dia-a-dia da empresa, dessa forma adequado aos procedimentos de trabalho da organização. Quando criança, nossos comportamentos são espelhado no que os adultos: falam e gesticulam.

 Essa ideologia é defendida por parte de alguns gestores, que o aumento da aprendizagem do colaborador   através da realização de seu trabalho diário, tudo isso agregado dentro de curso de treinamento formalizado.Contudo, outros tipos de treinamentos não trariam os mesmos resultados. Embora, ajudar integrantes de equipes apreender seja uma tarefa mais difícil de executar na pratica, do que na teoria. ao londo desse artigos vamos conhecer alguns estratégias de aprendizagem o para equipes de trabalho.

Entre diversos métodos de programas trainees e liderança, nesse tipo de trein…